22 março 2021

Lançamento do Livro: "Universidade popular e encontro de saberes".

Este 22 de março foi marcado pelo lançamento do livro "Universidade popular e encontro de saberes" (Edufba/2021), em evento ON LINE sob a coordenação dos organizadores, Profs. Gustavo Gonçalves e Rosângela de Tugny.

O livro, do qual fizemos parte contribuindo com a elaboração do capítulo "Políticas de ações afirmativas e de apoio à permanência: avanços e retrocessos da UFSB (2014-2018)", reúne 60 pessoas, em 30 textos de autoria de professores e ex-professores da UFSB e parceiros acadêmicos e nos movimentos populares.



21 fevereiro 2021

Fevereiro de 2021: de volta às aulas ON LINE. Universidades dão o exemplo de responsabilidade social.

 Estamos reiniciando na UFSB, na semana de 22 de fevereiro de 2021, as aulas do quadrimestre 2020.3, ofertadas tardiamente neste quadrimestre 2021.1.

Trata-se de um retorno que todas as pessoas - professores, estudantes, familiares, comerciantes, prestadores de serviços - gostariam que fosse de maneira presencial. Há um consenso de que seria melhor para o aproveitamento das aulas e para todo o cenário que envolve a educação superior. 

Acredito que o formato on line traz elementos novos, importantes e saudáveis para os debates relacionados à qualidade da educação superior. Como a maioria dos temas da atualidade, formam-se os "flasflus" de posições contrárias. De um lado, há os que se consideram defensores da verdadeira educação na qual a presença do docente numa sala de aula em frente aos seus alunos é imprescindível e condição fundamental do processo educativo. Do outro, quem se deslumbra com as TIC (Tecnologias de Informação e Comunicação), acha que o futuro já chegou e que temos que lidar com ele de maneira a aproveitar o potencial dos MOOC (Massive Open Online Courses ou Cursos Abertos On Line e Massivos, em português). 

31 agosto 2020

Reiniciadas as aulas na UFSB no formato on-line.

 Estamos no final de agosto de 2020. Voltamos às aulas que estavam paralisadas desde meados de março de 2020.

Os componentes curriculares ministrados por mim, Universidade e Contexto Planetário (CUNI-Ilhéus) e Perspectivas Matemáticas e Computacionais em Artes (turma vespertino Ferradas) retornaram, infelizmente, com número menor de estudantes por conta das dificuldades do acesso remoto.

Mas cá estamos, ainda em plena pandemia da Covid-19, retomando não somente as aulas, mas as relações entre professor-estudante e estudante-estudante que ficaram estacionadas durante cinco meses.

Para as duas turmas começamos ouvindo o que se passou nesse tempo e qual o sentimento de cada um em relação a essa doença e suas consequências em suas vidas pessoais, familiares, profissionais e, por último, acadêmicas. Foram depoimentos emocionantes, às vezes chocantes, e sempre importantes para se retomar as atividades acadêmicas de modo que a conjuntura exige: com isolamento social - cada um em sua casa, com desejo e esforço para continuar.

Reinício das aulas de PMC em Artes no formato on-line (18/ago/20)

A adaptação de todos ao formato de aulas on-line é um desafio para os estudantes e para os docentes. Novas ferramentas, nova administração do tempo de aprendizado, de realização de pesquisa, com limitação de trabalho coletivo. Mas, pareceu, a maioria com grande vontade de continuar.

As aulas ministradas na plataforma Google Meet serão gravadas e será um registro precioso desse momento.

20 maio 2020

Em Ilhéus e Itabuna existem canais para prática solidária durante a pandemia da COVID19

Muitas pessoas querem participar de ações solidárias com doações e práticas de voluntariado e encontram dificuldades para descobrir canais que, nessa condição de isolamento social e quarentena que nos encontramos, possam ser alcançados para oferecer ajuda.

Procurando esses canais digitais, localizei dois blogs que reuniram iniciativas locais e, acredito, podem fazer chegar os eventuais auxílios até quem precisa.

23 março 2020

O coronavirus está chegando no sul da Bahia: como manter as aulas na universidade?

O COVID-19 (Coronavirus Disease 2019) dispensa apresentação e descrição pormenorizada neste blog.
São muitas as incertezas que pairam sobre seu controle, mas ele está no sul da Bahia, com indicadores de crescimento que assustam agentes de saúde pública, gestores municipais e toda a população, especialmente a mais pobre e que deve ser mais atingida seja em seus aspectos de saúde ou em suas consequências econômicas.
Há muitas fontes de informação corretas que podem ser acessadas para nos preparar e atuar combatendo a pandemia. Por esse motivo, este blog não se manifestará regularmente a respeito, limitando-se a ajudar na divulgação de fontes confiáveis de informação para que não nos entreguemos às 'fake news' que brincam com a vida dos brasileiros.
Na UFSB as aulas foram suspensas por tempo indeterminado desde 18 de março (Portaria da Reitoria nº 163/2020).

15 novembro 2019

Seminário "At the frontiers of the urban", em Londres, discute as diferentes concepções sobre fronteiras.

"At the frontiers of the urban: thinking concepts & practices globally", realizado pelo Urban Laboratory da University College of London (UCL) de 10 a 12/nov., é o nome do seminário em que apresentei o resultado parcial da pesquisa de pós-doutorado.
"As sociedades urbanas estão passando por imensas mudanças; como os conceitos e práticas urbanas estão respondendo? Esta conferência procura estimular novas conceituações do urbano, convocando bolsas de ponta e diálogo ressonante com experiências urbanas distintas, especialmente aquelas que estão além do coração euro-americano convencional dos estudos urbanos, mas com escopo para alcançar diferentes contextos.

04 outubro 2019

"People, Plans and Places": workshop na UCL discute os impasses no planejamento urbano na atualidade.

Em 2 de outubro participei de um workshop promovido pela Bartlett School of Planning e coordenado pelos professores Alexandre Frediani, Camila Cocina e Lucy Natarajan, do Development Planning Unit da University College of London, onde estou desenvolvendo a pesquisa de pós-doutorado.
A oficina teve o objetivo de ser "uma sessão ativa para explorar perspectivas e experiências do norte e sul do mundo, com o objetivo de ter um ambiente colaborativo, comparativo, situando a discussão sobre as conexões entre participação e planejamento".